Apresentação

Endereço:

Rua Mourato Coelho, 798 cj.111 Pinheiros - São Paulo - SP

Apnéia obstrutiva do sono: Entenda a ventilação mecânica não invasiva

A Apnéia do Sono, também conhecida como SAOS (Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono), é uma condição provocada por obstrução parcial ou total das vias respiratórias durante o sono, o que pode levar a episódios repetitivos de apnéia, ou seja, interrupção da respiração durante o período em que se está dormindo. Essas pausas duram, geralmente, de 10 a 30 segundos e podem levar a vários outros problemas de saúde.

As principais consequências dessas apnéias são sonolência diurna e sensação de que o sono não é reparador. Podendo evoluir para sintomas piores, como: depressão; falta de ar durante o sono; prejuízo na atenção, memória e aprendizado; dores de cabeça matinal; irritação; evoluindo ainda para hipertensão arterial sistêmica; infarto do miocárdio; arritmias e hipertensão pulmonar; podendo resultar em morte súbita.

Portanto, há grande necessidade de procurar ajuda médica ao aparecimento de sintomas ou fatores de risco, tais como: excesso de peso; histórico familiar de apnéia do sono; afrodescendêcia e idade superior a 35 anos; consumo abusivo de álcool; cigarro; congestão nasal frequente ou ronco.

O diagnóstico pode ser feito através de uma Polissonografia, que é um exame feito em laboratório específico, no qual o paciente dorme conectado a um equipamento que monitora atividades do cérebro, coração e pulmão, além de verificar padrão respiratório, níveis de oxigênio no sangue e movimentos de braços e pernas. Esse exame pode mostrar se você tem a apnéia e como ficam os padrões de oxigênio durante o sono.

Os tratamentos recomendados são farmacológicos, comportamentais, através de dispositivos intraorais, dispositivos de manutenção da respiração ou cirúrgico, dependendo da causa da obstrução. Em muitos casos, há também a necessidade de um tratamento multidiciplinar, que pode envolver o médico, o dentista e o fisioterapeuta.

Diante disso, explicaremos melhor como a ventilação mecânica não invasiva pode ajudar nesse tratamento e como a Homefisio pode colaborar com o bem estar de seus pacientes.

Dentre os inúmeros dispositivos para a manutenção das vias aéreas, está o CPAP. É um aparelho que produz uma pressão contínua de oxigênio para as vias aéreas e é o mais indicado para o tratamento de pessoas que sofrem com a SAOS.

O CPAP é utilizado através de máscaras que podem ser nasal, facial ou total de face. O aparelho produz um alto fluxo que envia uma corrente contínua de ar ambiente para a máscara, criando um mecanismo de pressão para a abertura das vias aéreas. As pressões utilizadas, geralmente, são de 5 e 15mmH2O e deve ser ajustada para cada pessoa individualmente.

O fator importante para o sucesso do tratamento é a aceitação do paciente quanto ao uso do aparelho, pois, inicialmente, pode ocorrer certo desconforto com a utilização do equipamento mas, com o passar do tempo, o paciente notará que os benefícios causados pelo tratamento são imensamente maiores do que as dificuldades para utilizá-lo.

A Homefisio está sempre disponível e atenta para com seus pacientes, visando o conforto e a manutenção da saúde. Portanto, se você se identificou ou observou com qualquer um desses sintomas, ou se já está em tratamento e procurando ajuda com a ventilação mecânica, procure um especialista. Se desejar, você pode entrar em contato conosco por aqui. Temos profissionais especializados e prontos para atendê-lo no conforto de sua casa.

Leave a Comment

(0 comentários)

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *